O desenvolvimento de software da Voice no Basix

by

Neste post falaremos sobre algumas melhorias que implantamos no processo de desenvolvimento aqui no Basix. Nestas melhorias  (Eu, Fontes, Antonio e o pessoal de desenvolvimento) fomos fortemente influenciados pelas metodologias ágeis, em especial o Scrum. Mas, não prentendíamos seguir nada “by the book”, à ferro e fogo. Estamos tentando implementar aos poucos e vendo o que melhor se adequa a nossas necessidades. Vou listar agora alguns pontos que trabalhamos:

Primeiro: era preciso mensurar de alguma forma o trabalho, criar um ritmo.

  • Dividimos o trabalho em iterações de uma semana. O tempo de iteração não foi maior porque teoricamente tínhamos somente duas semanas para desenvolver este release (o prazo era muito curto). Ao início do projeto, o pessoal estimou as tarefas que iriam executar nesta semana.
  • Para que todos visualizassem o progresso, colocamos uma folha A3 impressa na parede, com as tarefas daquela semana. Assim que alguém terminava, riscava ali as tarefas. Preferimos começar assim ao invés do quadro de tarefas com post-it.
  • Definimos o conceito de pronto. Um código do desenvolvedor só estaria pronto depois que fosse testado por ele (mesmo que manual). Este conceito ficou claro para todos os desenvolvedores.
  • Definimos que todo commit deveria ser comentado no SVN e que cada commit só poderia conter alteração referente a uma tarefa. Recomendou-se que baixasse o código do SVN todas as manhãs (mas isto não foi cobrado).
  • Ao começo de cada iteração,

    Imagem da Avaliação de Impacto

    avaliamos como as tarefas previstas iriam afetar o produto. Agrupávamos as tarefas por produto e por nível (classificados de 1 a 5) e gerávamos uma Avaliação de Impacto. Esta avaliação foi útil para informar para todos quais módulos sofreram as alterações mais graves. Isto é muito importante visto que não possuímos testes automatizados para todo o produto.

  • Ao final de uma semana, juntamos a equipe para rever o que ocorreu e planejar a próxima semana. Identificamos o porquê das tarefas não terem sido cumpridas e quais tarefas serão feitas na próxima.

Resultados:

Na segunda iteração a equipe estimou com mais precisão e, principalmente, aprovou o novo método. As padronizações no SVN foram seguidas e elogiadas por todos. Em três iterações, a grande maioria das tarefas estavam entregues.

Porém, diversos aspectos poderiam ter sido melhores: maior integração com a área de qualidade, definir antes o que seria testado, produzir mais testes automatizados e principalmente uma quantidade menor de bugs encontrados pela área de qualidade. Mas acreditamos que estamos no caminho certo, é só continuar trabalhando.

Ao final do trabalho, montamos um “livro” da versão, que continha tudo que aconteceu nas 5 iterações, todos os impedimentos que foram encontrados ao longo do caminho.  Quem quiser é só falar que eu envio.

Próximos Passos

  • Ao planejar a iteração, envolver a equipe de qualidade, definindo como um item será testado.
  • Maior integração com área de qualidade.
  • Automatização de testes.

Próximo Post

Falaremos sobre a reunião de lições aprendidas que realizamos.

Até mais,

André

P.S. : Fontes, Antonio e todo mundo, fiquem à vontade para complementar este artigo.

4 Respostas to “O desenvolvimento de software da Voice no Basix”

  1. Roberto Capelo Says:

    Muito bom, legal passar estas experiências para o pessoal do dev do bloco A. Lembrando que lá existem muitos projetos e equipes, mesmo assim sempre pensei em algo desse tipo para melhorar as equipes, tentem fazer isso la no bloco a caso seja comprovado o sucesso deste método no bloco b.
    flw pessoal

  2. andrepanta Says:

    Valeu Capelo! Você está certo, se der certo temos que passar para o outro lado também!

    Falou !

  3. Antonio Lazaro Says:

    Você poderia compartilhar esse livro que você mensionou?

  4. Andre Says:

    Antonio,

    Me passe um e-mail em andre@voicetechnology.com.br que eu te envio.

    Até mais,

    André

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: