Mingle Day São Paulo – Adam Monago

by

Antes de começar a falar sobre o Mingle, ele falou um pouco sobre a Thoughtworks, esta empresa de consultoria tão falada no mundo de ágil.

A empresa surgiu 15 anos atrás construindo software customizados. Em 2000 estava em sérios problemas em um projeto. E eles foram em busca de algo novo. Falaram com Martin Fowler, como consultor, gostaram da forma, do resultado e continuaram a conversar.

Agile virou a forma deles fazerem projetos. E eles fazem muito coach em equipes também. De 15 pessoas do início até praticamente 1200 atualmente.
Lá na Thoughtworks eles não usam Scrum, XP, X ou Y, mas sim um conjunto de práticas ágeis que funcionam bem para eles.

MINGLE

A plataforma Mingle foi feita para trabalhar com a maioria dos projetos nas mais diferentes indústrias. na Thoughtworks, utilizam uma combinação de ferramentas, planilhas Excel e sem uma ferramenta que eles gostassem.

O desenvolvimento do Mingle começou a 2 anos e meio atrás e ele foi o primeiro cliente. Ele acha que foi escolhido para gerente de projetos da ferramenta por ter sido um cliente bem chato!

TUDO É UM CARTÃO

Tudo no Mingle é um cartão. Eles escolheram um cartão porque ele poderia representar qualquer coisa: um bug, uma feature, uma história…  Desta forma o usuário pode representar o que desejar.

Todas as visões do Mingle visualização os cartões de alguma forma. Todas as visões são, por padrão, abertas a todos. Isto porque a ferramenta foi feita com os princípios ágeis em mente. Toda visualização é a visualização de uma parte do backlog do sistema.

DEMONSTRAÇÃO
Ele começou mostrando um projeto básico, exibindo como se daria a utilização da ferramenta. O mingle é uma ferramenta muito intuitiva e fácil de usar.

A ferramenta tem um wiki embutido que deixa incluir texto, imagens e uma linguagem de macro para criação de gráficos e relatórios.  Além disso, expõe um plug-in em Ruby para cirar suas próprias visualizações.

TRANSIÇÕES DE CARTÕES
Este é um conceito muito poderoso que possibilita que uma ação seja executada toda vez que o cartão tem um estado alterado. Esta transição pode gerar alguma informação, alguma estatística.

FEATURE BREAKDOWN TREE
Dentro de um projeto podemos ter quantas árvores desejarmos. Estas árvores são úteis para dividir e agrupar as histórias, possibilitando ter um melhor acompanhamento do andamento do sistema.

O MINGLE É ENGESSADO?

Não. Eles não tem a intenção de ensinar ninguém a como ser ágil, como executar as tarefas. Mas sim, querem atender as pessoas que sentem necessidade de customização nas ferramentas atuais. O Mingle já vem com diversos templates adequado as mais variadas metodologias ágeis, mas o usuário pode customizar o que desejar.

Existem pessoas que utilizam o Mingle com Lean, colocando informações de filas de espera e filas de execução. Este é um exemplo de como a ferramenta pode ser customizada para algo totalmente diferente.

PLANEJANDO RELEASES

É muito fácil e intuitiva a forma de planejamento de releases do Mingle. Parece bem fácil e tranquilo de usar. E como fica tudo no mesmo lugar, diminui a necessidade de alguém ficar preparando relatórios que contém dados de várias ferramentas.

CONVERSE COM O PESSOAL DO MINGLE

Toda semana eles fazem sessões pela web onde as questões e o asssunto da reunião são dirigidas pelos participantes.

LICENCIAMENTO

Eles não falaram muito disto na palestra, mas é preciso falar disto:
* O Mingle é gratuito para projetos de até 5 usuários (acredito que por 1 ano somente)
* O Mingle é gratuito para projetos Open Source e de universidades
* Fora destas questões, ele é meio caro, saindo algo como 50 dólares por usuário, por mês.

Tags: , ,

2 Respostas to “Mingle Day São Paulo – Adam Monago”

  1. Mingle Day São Paulo – Thoughtworks e Aspercom « Blog do Ensinar Says:

    […] Adam Monago, falando sobre o Mingle. […]

  2. Giani Segatto Says:

    Vocês conhecem alguma consultoria que pode me apresntar como usar o mingle?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: